Documento sem título
 
 
         
 
Documento sem título
FEDERAÇÃO
Funções
Missão
Base Territorial
Editais
Notícias
Informativos
Federação em Ação

Sindicatos Filiados

Convenções Coletivas

Circular de Reajuste

Benefícios

Parceiros

Dúvidas

Serviços Úteis

Disque Denúncia

Contato
 
 
 
Notícias
 
NotŪcia - 18/01/2017 - Como agir quando a dom√©stica n√£o se sente apta a voltar do aux√≠lio doen√ßa
18/01/2017 - Como agir quando a doméstica não se sente apta a voltar do auxílio doença

Prorrogação do prazo de afastamento é possível. Empregada deve entrar com pedido junto à Previdência 15 dias antes do término previsto pela perícia
doméstica auxílio doença
Em alguns casos, quando o trabalhador dom√©stico se afasta por motivo de sa√ļde, ficando como benefici√°rio do aux√≠lio-doen√ßa, o prazo estabelecido na per√≠cia se encerra mas a pessoa ainda n√£o se sente apta a retornar para suas fun√ß√Ķes. O empregador dom√©stico √© pessoa f√≠sica, por este motivo, a Previd√™ncia Social cobre desde o primeiro dia de afastamento do trabalhador, diferente do que acontece nas empresas.

Por isso, √© importante que o trabalhador fique atento ao prazo concedido de afastamento. Caso n√£o se sinta bem de sa√ļde para voltar, o trabalhador deve solicitar a prorroga√ß√£o do benef√≠cio, 15 dias antes do prazo previsto para o t√©rmino do aux√≠lio.



Como funciona o pedido de prorrogação
A solicitação deve ser feita junto ao Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) pela Central de Atendimento 135 ou pela Internet na página da Previdência, http://www.previdencia.gov.br. Sendo assim, o INSS marcará data e hora para a nova perícia. A lei não estabelece limites para a quantidade de vezes em que se pode requerer o Pedido de Prorrogação.



Como agir quando o pedido for indeferido
Quando o trabalhador tiver um pedido de aux√≠lio-doen√ßa ou Pedido de Prorroga√ß√£o indeferido e discordar da senten√ßa poder√° solicitar um Pedido de Reconsidera√ß√£o. Este pedido s√≥ poder√° ser feito uma √ļnica vez. Outra possibilidade √© o benefici√°rio entrar com recurso.

O recurso também é solicitado pelo 135, pela internet ou na própria Agência da Previdência Social. após a data da negativa da concessão inicial ou da cessação do benefício. Esse prazo de 30 dias é para quem não pediu a reconsideração. No caso de o segurado ter entrado com o PR, o prazo de 30 dias é contado a partir da data do indeferimento.

Fonte: Domestica legal
 
 
Documento sem título
Sede - São Paulo
Av. Casper Líbero, 383, 13° andar, sl 13c
Centro - São Paulo/SP
(Próx. a Estação da Luz)

Telefone:
(11) 3228-1390
 
Sub Sede - Campinas:
Rua Visconde do Rio Branco, 301 - Ed Liberdade
5º Andar - Conj 501 - Sala 02
Centro - Campinas/SP

Telefone:
(19) 3232-0956
 
2014 Copyright © Todos os direitos reservados