Documento sem título
     
   
 
 
 
         
 
Documento sem título
FEDERAÇÃO
Funções
Missão
Base Territorial
Editais
Notícias
Federação em Ação

Sindicatos Filiados

Convenções Coletivas

Benefícios

Dúvidas

Serviços Úteis

Disque Denúncia

Contato
 
 
 
Notícias
 
Notícia - 02/08/2017 - MP investiga rede de escravidão doméstica em São Paulo
02/08/2017 - MP investiga rede de escravidão doméstica em São Paulo

Famílias paulistanas de alto poder aquisitivo podem estar envolvidas em uma rede de tráfico humano que traria mulheres estrangeiras para trabalho doméstico “em condições análogas à escravidão”. É o que investiga o Ministério Público do Trabalho de São Paulo.
A investigação começou após a denúncia de uma filipina que em 2014 recebeu uma proposta de trabalho doméstico no Brasil com a promessa de que receberia salário de cerca de R$ 2.000, passagens de graça e direito a residência fixa após dois anos de trabalho sob uma carga horária de 44 horas semanais.

A mulher, porém, relatou ao MP ter sido privada de liberdade, passado fome e não ter recebido o salário que lhe prometeram. Além disso, segundo ela, a jornada de trabalho chegava a 14 horas diárias e não raro sem descanso semanal.

A partir deste caso, o MP seguiu com as investigações e descobriu que 180 casas de família da capital e da região metropolitana têm filipinas como empregadas domésticas, provavelmente nas mesmas condições da denunciante. O MP chegou a suas agências, a Global Talent e a Nana Filipina, que fazem a “intermediação” entre as famílias brasileiras e as mulheres filipinas.

As duas agências assinaram um termo de regularização de todos os trabalhadores que trazem para o Brasil, mas, agora em 2017, surgiram dois novos casos de filipinas trabalhando “em condições análogas à escravidão” em São Paulo, e o MP voltou à investigação.

Fonte: G1
 
 
Documento sem título
Endereço:
Av. Casper Líbero, 383, 2° andar, sala 2d
Centro - São Paulo/SP (Próx. a Estação da Luz)
CEP: 01033-001
 
Telefone:
(11) 3228-1390
 
2014 Copyright © Todos os direitos reservados